HomeEducaçãoMEC: Como saber se uma escola é reconhecida pelo MEC?

MEC: Como saber se uma escola é reconhecida pelo MEC?

-

O Ministério da Educação (MEC), foi fundado no Brasil no ano de 1930, também na Era Vargas, de Getúlio, que por muitos historiadores foi considerada como uma Ditadura enquanto outros analisam o período com positividade. Em todos os anos, o Instituto recebe uma quantia de verbas. Por exemplo, para 2021, o valor chegou a R$ 70 bilhões. 

Vale salientar que os investimentos vêm sendo diminuídos durante o governo do presidente da República, Jair Bolsonaro. O argumento para isso é relacionado à dívida pública brasileira, que chegou a mais de R$ 5,4 trilhões e vem aumentando acima de 1% ao mês no ano de 2021. 

Enfim, neste artigo iremos abordar um pouco mais sobre o que é o MEC, como saber se uma escola é reconhecida e várias outras questões interessantes. Por isso, continue a leitura conosco para saber mais sobre o assunto. 

Qual é o significado do MEC?

A sigla MEC significa Ministério da Educação. É uma pasta do Estado que é responsabilizada por determinar aspectos e leis para a educação brasileira, inclusive, pelo próprio Enem, Exame Nacional do Ensino Médio.  O MEC também é responsável por destinar verbas para as Universidades Federais, Estaduais e Municipais do Brasil assim como em relação aos institutos. 

É bastante semelhante ao Ministério da Economia: neste, deve-se pensar sobre o valor do dólar, de outras moedas no exterior, de economia brasileira no geral como o PIB, produto interno bruto. Já a pasta da educação, deve resolver todas as questões relacionadas a escolas, universidades e investimentos no geral. 

Como saber se uma escola é reconhecida pelo MEC?

mec
Créditos: estacio.br
- Continua Depois da Publicidade -

Você sabe todo o passo a passo para conferir se uma universidade ou escola é reconhecida pelo MEC? Todo o processo pode ser realizado dentro do site 

  • Acesse o site 
  • Depois disso, digite o nome da escola e o endereço para ajudar nas buscas. 
  • Basta clicar na aba de “continuar” para receber todas as atualizações sobre a escola, inclusive em relação ao CNPJ (Cadastro Nacional Pessoa Jurídica), caso ela o tenha. 

Mec faculdades: O que é o FIES MEC?

O  Fundo de Financiamento Estudantil (FIES) é um programa que foi desenvolvido pelo MEC, Ministério da Educação, para ajudar pessoas de baixa renda a ingressarem em uma universidade privada através de financiamento. 

O financiamento começa a ser pago somente depois de já ter se formado e a juros mais baixos que um banco iria cobrar normalmente. Diferente do Prouni, que leva em conta a renda do estudante, permitindo o teto máximo de R$ 3 mil ao mês, no FIES não existe toda essa limitação de renda. 

Para conseguir concorrer por essa modalidade, é necessário ter tirado mais de 400 na nota de corte e, além disso, não ter zerado a redação do Enem (que é obrigatório para ingressar nesta modalidade). 

O ENEM, Exame Nacional do Ensino Médio, é realizado todos os anos geralmente no mês de novembro. A prova é feita em dois finais de semana, sendo o primeiro destinado para questões de humanas e a redação e, já o segundo, destinado para questões que são voltadas para as exatas. 

Leia também: Fies: tudo sobre o financiamento estudantil mais procurado

Acesse os cursos do MEC: Veja como

mec
Créditos: pebsp.com

Você sabia que existem alguns cursos que são reconhecidos enquanto outros não são reconhecidos pelo Ministério da Educação? Para saber quais são os cursos (como jornalismo, história, filosofia, medicina), é necessário realizar o seguinte procedimento: 

  • Acesse o site 
  • Depois disso, digite o nome do curso. 
  • Clique para continuar. 
  • Agora, basta analisar todas as universidades que oferecem essa alternativa e que são reconhecidas. Caso a que tenha interesse não apareça no filtro, ela pode não contar com essa certificação – o que mais tarde pode ser um problema. 

Como acessar o portal do MEC?

O portal do MEC conta com uma lista de instituições que são credenciadas. Neste caso, a consulta pode ser realizada através do site -credenciadas. O lado positivo é que os internautas que estão interessados em consultar instituições à distância como a Uniasselvi e a Estácio, podem analisar se ela foi aprovada ou não, assim também como a nota do curso que foi obtida e qual foi o último ano de análise. 

Como escolher o curso correto de acordo com as notas ?

- Continua Depois da Publicidade -

Um curso pode receber vários tipos de notas diferentes como a qualidade de qualificação dos estudantes, desempenho dos mesmos no mercado de trabalho e outros. No momento de escolher o seu curso, procure na instituição do MEC e veja as notas. O indicado é que estejam acima de 3 – nota mediana. O 5 é a nota máxima e significa que é muito bom. 

Além disso, é importante que os alunos analisem quando foi a última vez que a instituição foi avaliada. O indicado é que a última vez seja em menos de 3 anos atrás. Mas, isso não é uma regra, por exemplo, inclusive, muitas federais não contam com notas recentes e são ótimos locais de estudos. 

Enem e Ministério da Educação

O Enem, Exame Nacional do Ensino Médio, foi criado  para que os estudantes conseguissem usar a nota para entrar em uma universidade ao mesmo tempo que conseguiram o diploma do ensino médio. Para conseguir usar o desempenho para o FIES, Prouni ou SISU, é necessário não estar atuando como treineiro e ter nota superior a 400. Outro ponto é que o indivíduo não pode ter zerado na redação. 

A redação pode ser zerada através de vários motivos. Inclusive, pela fuga do tema. Ou seja, não abordar sobre o que foi solicitado ou adicionar textos aleatórios sobre o decorrer da redação. 

A prova é realizada em dois dias e conta com questões voltadas para as humanas e exatas, assim como a redação. Existem algumas normas que devem ser seguidas no dia para que não seja eliminado como: 

  • Entrar entre 12 horas e 13 horas, que é quando os portões abrem e fecham. 
  • Não usar o celular. 
  • Levar garrafa ou alimento que tenha o rótulo transparente. 
  • Não usar nenhum aparelho que faça a emissão de sons. 

Existe a alternativa de entrar para a prova como treineiro ou como estudante interessado em conseguir uma vaga. O treineiro geralmente está no segundo ou primeiro ano do ensino médio, está interessado apenas em ver como é. Portanto, não pode fazer o uso da sua nota posteriormente, mesmo que o desempenho seja positivo. 

Neste caso, o treineiro tem que pagar a taxa para a realização da prova. Só tem a anulação da mesma ao estar no terceiro ano e ter estudado durante toda a vida em instituições públicas. 

Abaixo, separamos algumas dicas para quem deseja ter um bom desempenho na avaliação do Enem nos próximos anos. 

- Continua Depois da Publicidade -

Leia também: Enem: como consultar nota? Como ir bem na redação?

Dicas

Existem muitas formas de estudo. Por isso, não podemos determinar alguma que seja específica. No entanto, podemos dar algumas mais gerais que são capazes de fazer toda a diferença quando se trata de estudar para o Enem. 

Uma das dicas é em relação ao cronograma de estudos. Por ser uma prova muito concorrida, tem muita gente tentando conseguir uma boa reputação nas notas. Então, dependendo do estilo do seu curso e da quantidade de pessoas que desejam ingressar, muitas vezes é necessário separar horas a mais além das aulas do ensino médio. 

Se quiser, para conseguir se organizar, pode fazer o uso do Trello. Ele permite que o usuário faça a criação de cartões dos mais variados  tipos, adicione prazos e muitos outros aspectos interessantes. 

Dessa forma, consegue saber exatamente tudo o que tem que fazer naquela semana ou mês, quais são os assuntos mais relevantes. 

Outra dica é investir em redação. Converse com o seu professor do ensino médio para saber se ele poderia corrigir alguns textos extras seus. Mas, se for negado, não fique chateado: com certeza o mesmo pode estar com muitas atividades para corrigir, então, pode não ter tempo para se dedicar à correção de redações. 

Se ele negar, pode participar de grupos de estudos pagos como o Stoodi, que permitem que o indivíduo tenha uma quantidade de redações corrigidas todos os meses para que saiba mais sobre o seu desempenho. 

Telefone MEC

O lado positivo, para os estudantes que continuam com dúvidas, é que o MEC ainda conta com um número de telefone que permite os estudantes entrarem em contato para tirar todas as dúvidas: 0800 616161. A ligação é totalmente gratuita. Já o endereço para o envio de anexos, é Esplanada dos Ministérios Bloco L – Ed. Sede e Anexos.

E então, tem mais alguma dúvida sobre o que é e como se certificar de que uma instituição é aprovada? Neste artigo, tentamos abordar um pouco mais sobre o passo a passo para realizar essa análise. 

O Ministério da Educação foi criado ainda na Era Vargas e recebe incentivos para criar o ENEM e outros programas destinados para que os estudantes consigam um bom desempenho e ingressem em universidades. 

No ano de 2021, o investimento chegou a uma faixa de R$ 75 bilhões. E, devido às dívidas públicas que chegavam a mais de 80% do PIB, Produto Interno Bruto, o valor teve que ser diminuído de forma exponencial.

Se tiver mais alguma dúvida sobre o assunto, basta entrar em contato conosco ou deixar aqui nos comentários para que possamos responder e te ajudar. 

Leia também: Educação adventista: conheça o ensino que transforma

Deixe seu Comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Talvez Você se Interesse

- Publicidade -