HomeEmpresas & NegóciosHavan: Saiba tudo sobre a loja mais falada do Brasil

Havan: Saiba tudo sobre a loja mais falada do Brasil

-

Quando falamos de lojas conceito e que estão na moda, logo vem o nome da Havan. Uma das marcas mais faladas nos últimos anos e que está em forte expansão, trouxe o diferencial na venda de produtos.

Com forte presença nas regiões Sul, Sudeste e desbravando as regiões Norte, Nordeste e Centro Oeste, a empresa se destaca pela grande oferta de produtos no mesmo espaço.

Para entender como uma empresa nascida no interior de Santa Catarina está em forte evidência, saiba tudo sobre a loja mais falada do Brasil.

A história do fundador da Havan

O sucesso de uma das maiores lojas de departamentos do Brasil está em seu fundador. Desde cedo, a vocação para as vendas estava aflorada em sua pele.

Quando criança, vendo que a escola básica João XXIII, na qual estudava, não dispunha de uma cantina, já estava aos 9 anos vendendo balas para os colegas de sala e das outras salas.

- Continua Depois da Publicidade -

Filho de operários na indústria têxtil, o destino estava selado mais para frente: viver daquilo que fazia parte de sua rotina.

Fazendo o colegial no Colégio Cônsul Carlos Renaux, benefício concedido aos filhos dos funcionários da Fábrica de Tecidos Carlos Renaux, o caminho para trabalhar na área têxtil ficou mais fácil.

Com 17 anos, o seu primeiro emprego foi na área de produção da fábrica, trabalhando ao lado de seu papai e mamãe.

Enquanto dava expediente na área da produção, foi aprovado na Universidade Regional de Blumenau para cursar o tecnólogo em Processamento de Dados. Durante o tempo em que esteve na faculdade, ele foi presidente do Clube dos Estudantes Universitários de Brusque.

Aos 21 anos, Hang decidiu mudar de patamar e investir na compra da tecelagem Santa Cruz, onde começou a conciliar com as atividades na fábrica de tecidos e investir na nova empresa quase falida.

Nos anos de 1980, a cidade de Brusque começou a mudar o foco do investimento pelo poder público: com a tamanha quantidade de fábricas na área de tecido, viu-se a quantidade crescente de pessoas que se dirigiam até a cidade para comprar roupas e tecidos. 

Com isso, o turismo de negócios começa a se tornar prioridade, o que desperta a atenção dos empresários do setor.

Vendo essa mudança e incomodado com a necessidade de mudar a sua situação, diante do fato da Tecelagem Santa Cruz precisar valer a pena, Hang percebeu a mudança de patamar e decidiu mudar de vida.

Origem da Havan

- Continua Depois da Publicidade -

Luciano teve uma ideia logo de cara em desenvolver uma loja de tecidos para vender os produtos de sua tecelagem e da tecelagem em que seus pais já trabalhavam.

Juntamente com um amigo dos tempos de tecelagem, Vanderlei de Limas, decidiram abrir uma pequena loja de tecidos no centro da cidade para fazer parte do boom do turismo local.

Faltava escolher o nome da nova loja. A solução encontrada pelo Hang e Vanderlei foi simples: a junção das primeiras sílabas do sobrenome de um com o nome do outro deu origem à Havan.

Em 26 de junho de 1986, a loja começava suas atividades em uma pequena sala de 45 metros quadrados, na qual os produtos eram vendidos a preços altamente acessíveis.

Os sócios tinham pensamentos bem diferentes em relação ao futuro daquela loja que se abria:

  • Luciano Hang já tinha o pensamento de expandir aquele projeto e se espalhar para outras cidades de Santa Catarina;
  • Vanderlei apenas pensava em expandir para dentro de Brusque e fazer com que a Havan crescesse para a cidade onde nasceu.

Enquanto tentavam alinhar o mesmo discurso, a quantidade de clientes aumentava exponencialmente. O pulo do gato foi sair da mesmice da época e pensar em um novo conceito.

Não bastava apenas vender tecidos e manter os mesmos resultados. A partir disso, Luciano começa a vender tecidos importados, ampliando a oferta de produtos e fazendo com que as vendas disparassem.

O pequeno espaço de 45 metros quadrados não era mais suficiente. Em 1989, eles se mudaram para um espaço maior localizado na rodovia Antônio Heil, no centro da cidade, passando por diversas reformas até chegar ao modelo atual.

- Continua Depois da Publicidade -

A eleição de Collor e a abertura econômica de produtos do exterior em nosso país fez mudar o portfólio de produtos da Havan. Não bastavam mais tecidos: agora, era possível trazer bugigangas e vender por 1,99.

Hang viajou diversas vezes e sempre voltava com a mala cheia de coisas para vender. Isso incomodou muito Vanderlei, que decidiu abandonar a sociedade e continuar vendendo seus tecidos por não concordar mais com os rumos da Havan.

Atualmente, Vanderlei continua na sua área com sua própria loja de tecidos. Já Luciano resolveu expandir o seu negócio, sem as amarras de Vanderlei, e partiu pra cima.

Vendo o tamanho do sucesso e inspirado nos modelos das lojas na região Sudeste, era a hora de executar o plano inicial e buscar novas unidades nas cidades vizinhas. 

Com uma estratégia de marketing agressiva, inspirado no que a Mesbla e o Mappin faziam, era importante pensar em uma identidade que fizesse a loja ser facilmente reconhecida e que o modelo fosse levado para as outras cidades.

Luciano era absolutamente obcecado pelos Estados Unidos, a liberdade econômica e de expressão da sociedade local e quis trazer isso para o seu negócio. A escolha foi montar a estrutura da loja com decoração e fachada muito parecida com a sede do governo norte-americano, a Casa Branca.

E, assim, houve a reforma da unidade de Brusque até julho de 1994, quando houve a reinauguração com pompa e circunstância.

No ano seguinte, em uma visita à loja, procedimento comum nos dias atuais pelo dono da Havan foi abordado por um garoto, dizendo que a loja precisava de uma estátua que chamasse a atenção das pessoas por onde passasse. 

Sem perder a oportunidade, escolhe a Estátua da Liberdade como um marco da liberdade do cliente em escolher e comprar o que quiser. A primeira estátua foi montada em Brusque e deu super certo. A identidade estava ali, pronta para ser replicada por onde passasse.

As primeiras unidades

Em 1995, o início da expansão da rede Havan tem a sua primeira filial inaugurada no bairro do Boqueirão, em Curitiba, capital do Paraná. Dois anos depois, o Barigui recebe a segunda unidade da loja de departamentos.

Com mais unidades sendo abertas na região Sul, especialmente em grandes cidades em Santa Catarina, como Florianópolis, Joinville e Balneário Camboriú, começa um agressivo programa de expansão da marca.

Em 2003, a empresa começa a investir no mundo digital na criação de seu site e no sistema do e-commerce, fazendo a marca estar entre as líderes em vendas de produtos para casa.

Focado no mesmo modelo de vender tudo em um único lugar com a mesma estrutura e a estátua da Liberdade em todo o país, a rede chega a mais de 150 lojas nos dias atuais.

O foco sempre esteve em unidades em cidades médias e pequenas do Brasil. A justificativa se dá exatamente pelo fato de fugir do conceito de shoppings, muito forte nas grandes cidades.

Cerca de 80% das unidades estão concentradas nestas médias e pequenas cidades, desde aquelas cidades com 30 mil habitantes até locais com mais de 1 milhão de habitantes.

A expectativa é chegar nos próximos anos em mais de 200 unidades e consolidar o negócio neste nicho, explorando a falta de estabelecimentos que saibam atrair os clientes, movimentando excursões intermunicipais que se interessam por ter no mesmo lugar:

  • Produtos;
  • Praças de alimentação;
  • Monumento importado dos Estados Unidos.

Atualmente, o conglomerado investe não somente em abrir novas unidades, mas trabalha na parte social na participação e desenvolve ações na parte social como forma de reforçar seu nome perante a sociedade. Dentre essas ações, estão:

  • Apoio a projetos sociais locais;
  • Doações a entidades;
  • Programa Troco solidário dentro das lojas;
  • Outubro Rosa e Novembro Azul.

O que se vende na Havan

Como vimos no começo deste artigo, do início com tecidos até a alta gama de produto, a Havan se consolidou como a principal rede de departamentos do Brasil, no lugar de marcas históricas. O que se vende na Havan atualmente são:

  • Eletrodomésticos;
  • Eletrônicos;
  • Vestuário;
  • Cama, mesa e banho;
  • Brinquedos;
  • Casa e Cozinha;
  • Esporte e Lazer;
  • Entre outros.

Estima-se que o portfólio chegue a mais de 320 mil itens vendidos sob o modelo das grandes varejistas, lucrando na quantidade de produtos vendidos. O seu conceito é o one-stop-stop, em que a pessoa tem tudo que precisa em um só lugar.

Para entender o tamanho do que a rede se tornou, seguem alguns dados:

  • São quase 160 lojas e e-commerce;
  • Mais de 20 mil colaboradores;
  • O maior centro de distribuição da América Latina, na cidade de Barra Velha;
  • Mais de 680 mil metros quadrados de área de vendas;
  • Presente em 19 estados do Brasil.

Diferenciais

Primeiramente, devemos lembrar que a rede trabalha de forma direta ao consumidor, fornecendo soluções nas quais o cliente pode ter tudo em um só lugar.  Além dos produtos, os serviços fazem parte do portfólio de vendas da Havan. 

A marca dispões ao cliente os serviços de:

  • Cartão presente;
  • Consórcio Nacional Havan;
  • Cartão Havan;
  • Multi Seguro Havan.

A grande aposta de Luciano Hang foi justamente aliar a tecnologia e a farta opção de produtos à venda com o foco em dar tudo na mão do cliente para que faça sua compra com total comodidade.

Diante disso, a empresa sempre focou em trazer soluções digitais e facilitar a compra do cliente.

Vamos conferir abaixo as principais vantagens para o cliente na hora de comprar na Havan.

Vantagens de comprar na Havan

A receita do sucesso está no fato de oferecer grande variedade de produtos pelos mais diversos canais. Hoje, é possível comprar por:

  • Loja Havan

Com mais de 150 lojas e partindo em franca expansão, é possível encontrar uma unidade nas médias e pequenas cidades e realizar a sua compra, podendo retirar diretamente na loja o produto sem precisar pagar pelo frete.

  • Site Havan

Com um site fácil de operar, integrado ao e-commerce da marca, é possível ter acesso a todos os produtos à venda em todas as unidades. São mais de 300 mil opções a gosto do cliente.

  • Aplicativo e Zap Havan

Com o celular nas mãos, o cliente pode comprar seu produto diretamente pelo aplicativo no celular, disponível em todas as lojas de aplicativos, como o Google Play e Apple Store, consumindo pouco espaço no celular e com funcionalidade rápida.

Além disso, é fornecido ao consumidor comprar diretamente pelo WhatsApp. Com número nacional, a pessoa faz a pesquisa de produtos e faz a compra com toda a segurança e comodidade, recebendo seu pedido pela internet.

Serviços da Havan

Dentro das opções disponíveis de compra, a empresa oferece mais vantagens na hora da entrega e prestar todo o suporte necessário ao consumidor. Na Havan, é possível contar com os seguintes serviços:

  • Retira Fácil

Nesta funcionalidade, o consumidor pode efetuar a compra pelo site ou pelo aplicativo e pode retirar na Havan mais próxima de casa, sem se preocupar com o custo de frete e o processo de retirada ágil, com a entrega feita por biometria facial.

  • Retirada por biometria facial

Sabe-se que cada pedido é um pedido e a expectativa do cliente é ter em mãos aquilo que comprou. Por isso, a empresa permite as compras no setor de Eletro pelo cartão da Havan sem precisar ir até o caixa.

É preciso que o cliente escolha o produto e vá até um dos colaboradores que fará o reconhecimento pelo rosto do cliente, previamente cadastrado na solicitação do cartão, para fazer o pagamento.

  • Compra fácil

A partir das informações de localização, ajuda a aproximar o cliente do seu produto. Com este recurso, o consumidor pode comprar e receber em casa com o estoque da loja mais próxima, reduzindo tempo de espera e custo de frete.

  • Sistema de crédito com inteligência artificial

Sem precisar da ação humana, as redes fazem a escoragem de crédito do cliente avaliando seu histórico de consumo e pagamento com mais de 80 variáveis, tanto de ordem pública quanto de ordem privada. Com isso, quase 100% das análises são liberadas automaticamente.

  • Atendente virtual

Com linguagem acessível e tecnológica, o atendente virtual é responsável pelo SAC, por acelerar os processos operacionais de atendimento e atender com total exclusividade. Com o nome de Liberdade, dá para verificar limite de cartão, fazer pagamentos de fatura, conferir ofertas, rastreio de pedidos, entre outros.

  • Totem de atendimento

Em todas as unidades, os totens de atendimento ajudam a evitar filas e prestam os serviços de pagamento de faturas, limites de crédito com privacidade e agilidade.

Formas de pagamento na Havan

Assim como nas grandes lojas, as formas de pagamento à disposição do cliente são as mais variadas para facilitar a vida de todos os clientes. São elas:

  • Dinheiro;
  • Cartão de crédito;
  • Cartão de débito;
  • Boleto Bancário;
  • PIX;
  • Cartão Havan.

Curiosidades

Após saber mais sobre o funcionamento desta grande rede de lojas em todo o Brasil, vamos saber um pouco mais sobre a Havan.

  • Por que as lojas estão apenas em médias e pequenas cidades?

Estratégia. O modelo de funcionamento é reunir tudo que o cliente quer em apenas um espaço. É comum encontrar a oferta de produtos dos mais diversos segmentos e juntamente a praça de alimentação com estacionamento amplo.

O modelo é muito semelhante aos shoppings, comércio muito comum nas grandes cidades, que só depois começou a ser transportado para estas cidades. Mas foi nesta lacuna que a Havan atacou os concorrentes.

Com menos opções de lazer, diversão e entretenimento, é muito mais fácil construir em um só lugar o complexo de compras e lazer, capaz de movimentar as cidades mais próximas a ponto de montar excursões com ônibus lotados para as lojas.

  • Como é a administração da empresa?

A gestão da Havan é feita de maneira centralizada por seu dono, Luciano Hang. Possui um conselho consultivo, composto por executivos, mas sem poder de decisão, estando concentrado em apenas uma pessoa as principais decisões.

Orientado pelos departamentos de marketing, aquisição e implantação, a empresa faz a compra de terrenos nos quais monta a loja em pouco tempo a partir do modelo de infraestrutura definido e fornecedores parceiros da matriz.

  • O dono costuma visitar as unidades?

Sim. Para dar conta de estar presente e visitar as unidades de surpresa, a empresa dispõe de frota de aviões que viajam pelo país, acompanhando as demandas locais em conjunto com a matriz, na cidade de Brusque.

  • Qual tem sido o lucro da empresa nos últimos anos?

A Havan tem conseguido forte lucro líquido nos últimos anos, passando de 286 milhões de reais em 2018 para mais de 430 milhões de reais em 2019.

Mesmo em tempos de pandemia, o conglomerado registrou um lucro líquido de R $1,3 bilhão, resultado 30% maior do que no ano anterior. O faturamento em 2020 foi de R$10 bilhões, 10% a mais do que no ano de 2019.

  • Luciano Hang está entre os homens mais ricos do país?

Sim. Com fortuna estimada em mais de 15 bilhões de reais, o empresário está na lista Forbes na lista dos 25 brasileiros mais ricos do Brasil.

Finalmente, vimos o quanto a empresa, mesmo com as polêmicas envolvendo o seu dono com o apoio ao atual governo e suas ações em meio a pandemia de COVID-19, consegue ter alto faturamento e o aumento de vendas em 2020.

Resultado de uma combinação eficiente: a concentração de suas lojas em cidades com poucas opções de concorrência dentro do seu modelo de grande varejo com opções de alimentação, venda de produtos e serviços.

A Havan está em total imersão de novos terrenos e lojas sendo inauguradas frequentemente com o portfólio de produtos pelos melhores preços, apostando na sua lucratividade pela alta quantidade de vendas.

Esperamos que você tenha tirado suas dúvidas e conte-nos mais sobre o funcionamento das lojas Havan na sua cidade ou no seu estado, como é a experiência de comprar na loja e como foi o atendimento no seu caso.

Até a próxima!

 

Deixe seu Comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Talvez Você se Interesse

- Publicidade -