HomeFinanças, Crédito & SegurosLeilão da Caixa: Saiba como adquirir seu imóvel / casa da forma...

Leilão da Caixa: Saiba como adquirir seu imóvel / casa da forma correta

Web Stories

O Leilão da Caixa foi criado para vender os imóveis de clientes da instituição que não conseguiram pagar o empréstimo tendo o imóvel como garantia ou então o financiamento da casa própria. Neste caso, o valor mínimo pelo qual o bem vendido é o mesmo pelo qual estava sendo devido pelo cliente. Neste caso, deve-se estar ciente de que os cidadão podem oferecer valores maiores e fazer com que determinado terreno, apartamento ou casa se tornem mais competitivos de mercado. 

No artigo de hoje, o Flame Content separou um guia completo que pode te ajudar a entender melhor como deve funcionar o leilão da Caixa, valores, se tem possibilidade de financiar e quando eles acontecem. Portanto, se quiser saber mais sobre o assunto, basta que você continue a leitura conosco. 

Como funciona o leilão de casas da caixa?

leilão da caixa
Créditos: istoedinheiro.com.br

A Caixa tem datas todos os anos em que coloca as casas dos clientes que não conseguiram pagar  financiamento e empréstimo. Então, o valor mínimo de lance é aquele que falta para que haja o pagamento do que faltou Vamos dar um exemplo bastante prático: 

  • Supondo que tenha financiado cerca de R$ 60 mil e pagando apenas R$ 20 mil. 
  • Neste caso, o valor mínimo de lances era de R$ 40 mil. 

Como o leilão acontece tanto de forma online quanto presencial, as pessoas devem dar valores  e lances mais altos é aquele que pagar mais é o que fica. A forma de pagamento de cada um dos imóveis pode variar de acordo com o valor dele. Em alguns casos, consegue-se financiar em até 35 anos, enquanto outros contam com um tempo de financiamento um pouco menor. 

Como participar do leilão da caixa?

caixa leilão
Créditos: seucreditodigital.com.br

A Caixa conta com uma página que permite com  que os seus clientes possam fazer parte de todos os processos de leilão em grandes cidades como São Paulo e Rio de Janeiro. Para se inscrever e saber como adquirir o seu, é necessário clicar aqui. 

- Continua Depois da Publicidade -

Vale salientar que se preferir participar dos processo de leilão de forma digital, para que haja a confirmação de identidade é importante ter em seu computador ou celular um certificado digital que pode ser comprado pelo valor de R$ 250 e em a duração na faixa de 3 anos. O certificado digital permite que se fale compras, participe de eventos e até mesmo faça grandes transferências em leilões, ele pode ser comprado  em portais como o Serasa Experian

  • Para comprar o seu certificado digital, deve-se fazer um agendamento com um agente do Serasa que irá revisar os seus documentos de forma online. 
  • Também é importante fazer fotos. Por isso,  deve-se ter uma câmera no momento em que for atendido pelo agente. 

Quando acontece o leilão da Caixa?

leilão de imoveis da caixa 2021
Créditos: investnews.com.br

A Caixa permite que os leilões aconteçam sempre ao menos duas vezes por dia: 15 minutos antes do pregão regular e 5 minutos antes do seu encerramento. Neste caso, os investidores devem emitir uma ordem de compra máxima  na qual estão dispostos a pagar. Se o valor oferecido por eles for maior, é esse que deu o maior lote que tem direito a ficar com o imóvel. 

Como adquirir seu imóvel/casa da forma correta? [4 Dicas]

leilão imoveis caixa
Créditos: opovo.com.br

Você tem alguma ideia de como comprar uma casa no feirão da Caixa de forma correta e garantir que não irá se arrepender? Não? Pois neste artigo separamos um guia completo que pode te ajudar a escolher e comprar agora mesmo. Portanto, se quiser saber mais sobre o assunto, basta continuar a leitura aqui. 

1. Veja o tamanho da casa 

O tamanho da casa deve ser analisado de acordo com o tamanho de cada família. Uma família de apenas um casal pode preferir por uma casa de dois quartos devido ao fato de que posteriormente podem ter um filho e antes disso podem usar o cômodo para escritório. 

Já uma família maior, que tem muito mais filhos, deve preferir por uma casa que tenha na faixa de 4 a 5 quartos – e, dependendo do lugar, uma deste tamanho pode chegar a custar milhões ,principalmente no centro de São Paulo ou do Rio de Janeiro. 

A cozinha é outro ponto a ser analisado. Se você já mora em uma casa e  tem o seu jogo de cozinha, também tem que analisar se irá caber dentro do novo imóvel ou se pretende comprar outro jogo.

Outro aspecto que pode acrescentar valor a um imóvel  é em relação a quantidade de banheiros que tem na casa. Hoje em dia, é comum que se tenha apenas um banheiro social e que todos os moradores dividam.

No entanto, as casas mais robustas contam com um banheiro para cada quarto – o que pode ser interessante visto que cada um dos moradores consegue ter a sua privacidade e, assim sendo, se sentir mais à vontade  em relação ao tempo em que fica no banheiro, principalmente nas atividades que são mais demoradas, devido ao fato de que não está prejudicando a outras pessoas. 

2. Tempo e possíveis reformas

- Continua Depois da Publicidade -

Outro aspecto que deve ser analisado no momento em que comprar a casa ou apartamento é sobre o tempo em que  o imóvel existe porque pode ser necessário que se tenha que gastar a mais com ele com reformas. Dependendo do valor que gastaria com reforma, acaba compensando optar por um mais caro mas que seja novo, por exemplo. 

Na verdade, tudo isso pode variar de acordo com a quantidade de tempo que tem disponível e até mesmo em relação ao fato de que pode ou não gastar com esses extras. 

Muitas pessoas acabam comprando casas e não repararam que tem algo que deve ser feito, se as portas devem ser tomadas, se a fiação está ok  e até mesmo se é ou não necessário que haja uma pintura das paredes ou troca de pisos que podem estar desgastados. 

3. Quantidade de quartos 

A quantidade de quartos tem um pouco a ver com o que foi dito anteriormente em relação ao tamanho da casa. Essa escola vai depender exclusivamente do tipo de família que tem, se pretende ter mais filhos.

O indiciado é sempre ter um quarto a mais quando é casal, mesmo que  não se tenha interesse em ter crianças, devido ao fato de que pode haver algum tipo de gravides indesejada. 

O tamanho dos quartos pode variar mas está na faixa de 4×4, As casas menores estão em 3×3. O que já está de bom tamanho ́ para quem está precisando  guardar um guarda roupa, camas e até mesmo uma mesa que pode servir como base para estudos. 

4. Localização 

Quando mais localizado ao centro deve ser o imóvel,, mais caro ele deve ficar devido ao fato de que a procura tende a ser maior. No entanto, pode ser uma vantagem porque pode ficar mais perto do seu trabalho e permite que se vá à pé em vez de gastar com transporte todos os dias.

Leia também: Caixa Aqui: Dicas, e como localizar um correspondente Caixa Aqui

Qual o risco de comprar um imóvel da Caixa ocupado?

casas leilão caixa
Créditos: simoesfilhoonline.com.br
- Continua Depois da Publicidade -

No momento em que for comprar um imóvel que está ocupado, o comprador deve contar com uma equipe de assessoria jurídica que será responsável por descobrir se o imóvel conta com alguma dívida como é o caso do IPTU e outras.

Outro aspecto é que pode ser negativo para quem já tinha o objetivo de ir morar na casa de modo imediato visto que é necessário esperar um prazo para que o antigo morador saia do local, o que pode ser mais demorado do que o esperado. 

O mais indicado é preferir comprar  um imóvel no feirão da Caixa que não esteja ocupado até então porque tudo se torna ainda mais fácil, até mesmo quando for transferir para o seu nome. 

Conclusão sobre feirão da Caixa 

O feirão da Caixa permite que se tenha acesso a milhares de imóveis a preços mais baixos que estão sendo vendidos devido ao fato de que os donos não conseguiram pagar. Neste caso, eles acontecem durante todos os dias antes mesmo do início do pregão da Bolsa de Valores. 

Em suma, o prazo de pagamento pode variar de acordo com o valor que foi gasto, em algumas situações, consegue-se pagar o imóvel que foi adquirido em até 35 anos – sendo necessário que o cidadão tenha a idade máxima de 25 anos neste caso visto que a idade do comprador somada com o tempo de parcelamento não deve ser superior a 60 anos. 

Por fim, também vale salientar que existem alguns riscos que podem acontecer ao comprar um imóvel que está ocupado devido ao fato de que a pessoa que está morando pode alegar que devido ao fato de não ter conseguido outro lugar para morar, teria que ser eficaz na residência até encontrar. 

Se preferir comprar mesmo assim, é importante salientar que se deve contar com uma equipe jurídica que saiba analisar para descobrir se o local está com algum imposto atrasado, principalmente em relação ao IPTU. 

E então, tem mais alguma dúvida sobre o assunto? Comente aqui conosco para que possamos te ajudar. E, claro, não esqueça de vir nos conhecer em nosso site oficial para saber tudo sobre finanças e empreendedorismo porque temos uma série de artigos que abordam sobre a Caixa. 

Deixe seu Comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Talvez Você se Interesse

- Publicidade -