HomeFinanças, Crédito & SegurosFinanciamento Caixa: Dicas ao simular financiamento de imóvel e pausar boleto

Financiamento Caixa: Dicas ao simular financiamento de imóvel e pausar boleto

Web Stories

Com certeza o financiamento da caixa é uma das melhores maneiras de conseguir realizar um sonho em momentos em que não se tem dinheiro.

Seja comprar uma casa, um carro, uma viagem ou simplesmente entrar na faculdade: não importa! O financiamento da Caixa deve aproximar seu solicitante de seu sonho.

A grande questão é que nem todos entendem financiamentos. Da mesma forma, não são todos que honram com o compromisso de pagá-lo.

Existem certas condições as quais permitem um financiamento ser aceito ou não. E a conduta de quem solicita com certeza é um fator que um banco leva em consideração.

Com isso, é preciso ressaltar que possuir um passado de pagador honrado é de extrema importância para quem quer um financiamento.

- Continua Depois da Publicidade -

Caso contrário, existem grandes chances de ter o financiamento negado pela Caixa. Além disso, ter um bom Score no Serasa é indispensável.

Saber como funciona um financiamento também não é algo que todos têm em mente.

De onde sai o dinheiro? Como ele chega até a conta bancária do financiado? Quais são os juros caso o pagamento não ocorra em dia?

Além desses aspectos, ter um conhecimento das próprias características e se essas estão de acordo com o perfil de alguém que realmente precisa de um financiamento é crucial.

Afinal, quem conhece a si mesmo deve ter consciência das próprias atitudes financeiras. Caso contrário, ninguém mais terá. E uma vez que o financiamento foi contemplado, é preciso estar ciente dos compromissos e encargos que este acarreta.

De qualquer maneira, para que os leitores entendam mais sobre o tópico, bem como compreendam mais detalhes sobre o financiamento da Caixa, aqui está um artigo completo.

Vale frisar que todos os detalhes sobre o assunto estão presentes no site da Caixa Econômica Federal.

Qual a renda mínima para financiar um imóvel pela Caixa?

simular financiamento caixa

- Continua Depois da Publicidade -

Antes de mais nada, vale ressaltar que a renda mínima para financiamento de imóvel pela Caixa é uma das modalidades mais conhecidas, quiçá, do Brasil.

A partir dela diversas pessoas têm a oportunidade de realizar o sonho da casa própria e finalmente conseguem sair do aluguel.

Entretanto, existem alguns aspectos importantes para se levar em consideração antes de adentrar nos detalhes dos financiamentos de imóveis da Caixa.

O primeiro é que existe um programa de financiamento de imóveis para pessoas com renda bruta familiar de até R$7000,00 por mês.

Esse é conhecido como “ Minha casa, minha vida”. Com isso, é possível trazer à tona um outro programa do Governo Federal: Programa Casa Verde e Amarela.

O programa Casa Verde e Amarela é uma iniciativa que começou a partir do governo de Jair Messias Bolsonaro com o intuito de contemplar mais brasileiros com o sonho da casa própria.

Enfim, sem mais delongas, a renda mínima para financiar imóveis na Caixa é de famílias com até R$1800,00 de renda mensais.

É claro que existem diferentes modalidades de financiamento em que cada perfil econômico se encaixa melhor.

- Continua Depois da Publicidade -

Mas é a partir dessa modalidade de financiamentos que um financiado consegue até 120 parcelas de um valor que gira em torno dos R$80,00 e R$270,00.

Aliás, essa é a maneira mais acessível de alguém conseguir um imóvel por meio de um financiamento: o Financiamento Caixa.

Contudo, é preciso cumprir com os pré requisitos básicos, bem como estar em dia com as próprias contas e, claro, ter um nome limpo”.

Caso contrário, a inviabilidade de um financiamento para imóvel se torna clara e o sonho da casa própria deve ser postergado.

Qual a porcentagem que a Caixa financia um imóvel?

Canal: Portal VGV

Antes de mais nada, vale ressaltar que a resposta para essa pergunta quanto ao financiamento da Caixa é algo que pode variar.

Primeiramente, tudo vai depender do tipo de financiamento solicitado pelo contribuinte brasileiro.

Por exemplo: na aquisição de um imóvel novo é possível obter até 90% do imóvel financiado pela Caixa. 

Além disso, é possível realizar o pagamento deste imóvel em até 30 anos. Ou seja, parcelas suaves para conseguir realizar o sonho da casa própria.

No entanto, para aqueles que desejam adquirir um imóvel usado a porcentagem é diferente. Aliás, esse é um processo bem mais difícil, visto que o limite máximo de financiamento é de até 50% do valor do imóvel.

Além disso, é possível financiar uma construção em terreno próprio. Isso é mais uma modalidade de financiamento da Caixa. E essa talvez seja uma das mais vantajosas.

Bom, pelo menos é o que indica a capacidade de financiamento inscrita nesse tipo de financiamento: até 100% do valor total caso já se tenha o lote onde pretende-se construir a casa.

Além disso, o prazo de pagamento desse tipo de financiamento é de até 35 anos. Ou seja: esse talvez seja um dos mais vantajosos para o contribuinte que se encaixa neste perfil.

Enfim, além dessas possibilidades, várias categorias de financiamento existem com diferentes porcentagens na Caixa Econômico Federal.

Por isso, para que os leitores estejam a par do assunto, recomenda-se que acessem suas contas pelo Site da Caixa e então façam uma simulação de financiamento.

A partir disso é possível saber mais sobre as linhas de crédito para financiamento e a porcentagem de cobertura.

Leia também: Como negociar dívida Caixa? De cartão ou financiamento em atraso

O que precisa para ser aprovado um financiamento da Caixa?

simulador de financiamento caixa

É possível que aqueles que nunca tenham participado de nenhuma modalidade de financiamento entendam como funciona o financiamento da Caixa.

Por isso, para começar a falar sobre o assunto é preciso trazer à tona quais são os critérios para ser aprovado em um financiamento da Caixa Econômica Federal.

É claro que existem critérios que são quase como uma “obrigatoriedade” para que aqueles que desejam ser contemplados pelo financiamento da Caixa saibam.

Mas entre eles, e o principal critério, é o de ter uma renda compatível ao valor do financiamento.

Isso é um critério tão importante para as finanças quanto para a aprovação do financiamento.

Primeiramente, é importante para as finanças porque sem uma renda compatível é possível gerir dívidas. Dessa forma, o sonho da casa própria, ao invés de se aproximar, pode acabar “se afastando”.

E, claro, esse é um dos requisitos pré estabelecidos pela Caixa. A taxa de comprometimento de renda estabelecida é de até 30%  do próprio salário. Então, é preciso estar dentro desse número para conseguir um financiamento na Caixa.

Outro critério importante para ser aprovado em um financiamento da Caixa é que não haja nenhum tipo de restrição de crédito por quaisquer motivos que seja.

Seja uma dívida pequena ou uma dívida grande, não importa. Ter o “nome limpo” é indispensável para conseguir um financiamento na Caixa.

Além disso, outro aspecto crucial para conseguir o financiamento da Caixa é trabalhar por mais de 3 meses com a carteira assinada.

Isso serve ao banco como um comprovante. A partir da carteira de trabalho de um contribuinte uma avaliação é feita.

E não é preciso pensar muito para entender as motivações de uma instituição financeira ao fazer isso. Afinal, um trabalhador de carteira assinada passa mais segurança ao banco. Logo, deduz-se que é um bom pagador.

Ter dinheiro guardado

financiamento imobiliario caixa
Créditos: maxiimobi.com

Outro critério importante para que alguém consiga um financiamento na Caixa é ter dinheiro guardado.

Mesmo que a ideia por trás de um financiamento seja a de conseguir arcar com custos sobre os quais não tem-se dinheiro suficiente para arcar, é preciso ter pelo menos uma quantia em reserva.

Da mesma forma, ter uma quantia guardada em FGTS pode ser a solução para aqueles que não têm dinheiro guardado.

Mas, antes de mais nada, vale ressaltar que é preciso arrecadar o FGTS ao longo de 36 meses para conseguir um financiamento de imóvel na Caixa.

Aliás, adentrando mais no assunto, é do conhecimento da grande maioria dos contribuintes brasileiros que o FGTS tem aplicabilidade para financiamentos.

E isso serve para financiamentos de imóveis na Caixa. Com isso, o tempo de carteira assinada para conseguir um financiamento a partir do FGTS é de 3 anos.

Mas, caso não haja nenhum dinheiro retido na conta do FGTS, é possível optar por ter um dinheiro em poupança ou outras modalidades de reserva de dinheiro.

O importante é ter alguma reserva e conseguir comprovar à Caixa para que então seja aprovado o financiamento.

Ter conta corrente na Caixa

Por fim, mas não menos importante, um aspecto importante para conseguir um financiamento na Caixa é o de ter conta corrente no banco.

Mas isso não é algo tão complicado de fazer, tampouco de manter. Portanto, esse é um dos primeiros passos que aqueles que desejam abrir um financiamento na Caixa devem tomar para conseguir atingir o objetivo de conseguir financiar o sonho da casa própria.

Leia também: Licitação de imóveis da Caixa: Como comprar sua casa com melhor preço

5 documentos necessários para solicitar financiamento 

financiamento caixa imóvel usado

Assim como existem critérios para conseguir se enquadrar no perfil de financiado, existem alguns documentos básicos necessários para solicitar o financiamento.

Primeiramente, um documento de identificação, tal como a identidade, CNH, passaporte ou Carteira de Trabalho. Isso serve para comprovar ao banco que se é quem afirma ser.

O segundo documento necessário é o CPF. A partir dele é possível que o banco rastreie todos os detalhes da vida financeira de uma pessoa física.

Isso é indispensável para que a instituição confira a linha de crédito para financiamento compatível com o perfil do solicitante.

Outro documento imprescindível é um comprovante de renda novo. Ou seja, que tenha no máximo dois meses de diferença do momento de solicitação do financiamento.

Isso ajudará a garantir ao banco que um financiado esteja financeiramente apto a arcar com os compromissos firmados em um financiamento a partir da noção de que este recebe regularmente e possui uma estabilidade financeira.

Outro documento importante é a certidão conjunta de débitos de tributos federais. Afinal, estar em dia com os próprios impostos é indispensável para qualquer instituição financeira.

Além desses, a certidão de nascimento ou de casamento é outro documento indispensável para solicitar um financiamento na Caixa.

E, claro, aqueles que irão financiar por meio do FGTS devem ter em mente que existem alguns outros documentos que devem ser apresentados.

São eles:

  • Imposto de renda mais recente, bem como o recibo de entrega à RFB;
  • Carteira de trabalho ou Extrato FGTS;
  • Extrato  novo com data e certificações de emissão por uma agência da Caixa Econômica Federal;
  • Comprovante residencial do último trimestre;
  • Cópia da carteira de trabalho e previdência social;
  • Os casados devem apresentar o último imposto de renda do(a) parceiro(a).

Quem não pode fazer financiamento na Caixa?

caixa simulação financiamento
Créditos: capitalist.com.br

Algumas pessoas que não podem fazer o financiamento da Caixa não entendem as motivações para a proibição. 

Tampouco entendem o porquê de não estarem aptos à aceitação da Caixa para conseguir o financiamento enquanto pessoas de mesma profissão, classe social e ganhos financeiros o conseguem. 

Por isso, é importante entender que para conseguir um financiamento na Caixa é preciso estar dentro dos critérios.

Primeiramente, e talvez um dos critérios de maior trivialidade: é impossível conseguir um financiamento estando em situação de inadimplência.

Ter o nome negativado nunca é bom. Principalmente quando se trata de tentar começar algum relacionamento financeiro com instituições sérias e de grande porte, tal qual é a Caixa.

Por isso, ter a organização das finanças em dia é indispensável para poder fazer um financiamento na Caixa.

Ademais, aqueles que não possuem nenhuma reserva financeira dificilmente conseguirão dar entrada no processo de financiamento na Caixa.

Por isso se faz tão importante guardar dinheiro na poupança ou no FGTS. Quanto maior o financiamento, maior o valor que deve-se ter guardado.

Outro ponto que não deve ser negligenciado é a renda que se tem. Sim, é possível ter o pedido de financiamento negado por não ter uma renda compatível ou mesmo renda 0.

Afinal, no cadastro financeiro é importante conseguir ter a própria renda comprovada. Caso contrário, não existe nenhuma comprovação capaz de mostrar que tem-se a capacidade de arcar com o financiamento.

Outros pontos que devem estar na atenção de quem pretende financiar um imóvel pela caixa para que não tenha seus pedidos negados: problemas com documentação, excesso de comprometimento de renda e papelada em desacordo com as exigências pré-estabelecidas pelo banco.

É claro que todos esses pontos podem ser revistos e contornados para que seja possível conseguir rum financiamento.

Simulação do financiamento de imóvel 

simular financiamento imovel caixa

Saber os meios para conseguir atingir um sonho faz parte dos primeiros passos para conseguir realizar.

Entretanto, nem todos conhecem as ferramentas certas para se informar mais sobre o objetivo de financiar um imóvel e atingir o tão esperado sonho da casa própria.

Por isso, é importante que os leitores conheçam a simulação de financiamento de imóvel da Caixa.

Por meio dela é possível saber detalhes sobre finanças, encargos, tributos, multas e diversos outros aspectos quanto a um financiamento feito por meio desta instituição financeira.

Primeiramente, para conseguir simular um financiamento de imóvel na Caixa é preciso acessar o site da Caixa Econômica Federal.

Na página oficial é preciso optar por uma das duas opções: Empréstimo e Financiamento ou Habitação.

A partir disso, uma nova página se abre. Aqui será abordado uma perspectiva a partir da ação de clicar na primeira opção.

Enfim, após clicar em Empréstimo e Financiamento é possível ter acesso às diversas modalidades de financiamento presentes na Caixa.

Seja para carros, imóveis, viagens, crédito rural ou diversas outras finalidades, não importa: a Caixa possui uma vasta extensão de financiamentos para facilitar a vida do contribuinte brasileiro.

Ao optar pelo tipo de financiamento é possível começar o processo de simulação. E já que aqui se abordou o financiamento de imóveis, o exemplo em sequência é o de financiamento para habitação.

Ao clicar em Habitação é possível conferir, logo no início da página, o oferecimento de uma simulação de financiamento.

E para simular não tem segredo: basta preencher os dados solicitados e então simular.

Dessa forma é possível estar por dentro de tudo que é preciso para conseguir realizar um sonho por meio de financiamento.

3 dicas antes de fazer a simulação de imóvel que você precisa saber 

simulador caixa financiamento
Créditos: tnh1.com.br

Bom, para aqueles que desejam fazer uma simulação de financiamento de imóvel pela Caixa Federal devem ter em mente alguns aspectos.

Afinal, a próxima etapa à simulação é a de execução do financiamento. Por isso, estar a par de dicas para conseguir o financiamento a partir da simulação com mais facilidade é indispensável.

E para começar, a primeira dica para antes de fazer uma simulação de financiamento de imóvel é escolher a hora certa para simular o financiamento.

Primeiramente porque isso garante o conhecimento sobre o compromisso financeiro com o qual se irá arcar. E em segundo plano porque é possível chegar a pagar 60% a mais em um financiamento caso não haja uma simulação.

Por isso, o momento certo é antes de realizar um financiamento.  A segunda dica é ter todos os documentos necessários para o financiamento atualizados e fáceis de acessar.

Caso contrário, é impossível finalizar o financiamento após a simulação. Afinal, entre os critérios para conseguir ter um financiamento contemplado estão os documentos básicos requisitados pela instituição financeira.

Por fim, mas não menos importante: estar dentro dos critérios de avaliação do banco. Apesar disso ser algo possível de deduzir por conta própria, nem todos que buscam um financiamento buscam se enquadrar nos critérios estabelecidos por um banco.

Portanto, a certificação de enquadramento é algo a se fazer antes mesmo de começar uma simulação de financiamento de imóvel na Caixa Econômica Federal.

Pausar boleto do financiamento de imóvel, é possível?

Num passado não tão distante isso não era algo possível de ser feito por financiados. Entretanto, visto a situação econômica do país a partir da pandemia de Covid-19, o banco possibilitou que os boletos de financiamento tivessem seus pagamentos pausados. Isso é possível para aqueles que conseguirem comprovar perda de renda.

Isso passou a valer a partir de junho de 2021 como forma de aliviar a situação financeira dos cidadãos brasileiros que possuem alguma forma de financiamento em seus nomes.

É claro que, de alguma forma, isso pode acabar refletindo mais ainda na situação econômica do país, gerando uma grande dívida por linha de crédito.

Uma situação semelhante a essa ocorreu na bolha imobiliária de 2008, nos EUA, que afetou não só a economia do país, mas como a do mundo inteiro.

De qualquer forma, priorizar o bem estar de seus clientes é de suma importância para instituições financeiras.

E com certeza esse tipo de medida, como a que foi apresentada pela Caixa em 2021, foi severamente estudada antes de sua aplicação.

Enfim, respondendo a pergunta mais importante desta seção: Sim, é possível pausar um financiamento da Caixa.

E tudo que se faz preciso é declarar que não há como arcar com o financiamento por falta de renda.

casas financiadas pela caixa

Conclusão

Por fim, a partir desse texto foi possível apresentar aspectos gerais quanto à realização de um financiamento na Caixa.

É claro que nem todos podem ter acesso a essa modalidade financeira capaz de realizar tantos planos e sonhos.

Mas só de ter conhecimento sobre os critérios, as obrigações, os documentos necessários e demais aspectos aqui apresentados já é possível que os leitores entendam melhor como fazer para conseguir um financiamento na Caixa.

Hoje em dia muitos brasileiros optam por financiamentos para conseguir atingir seus objetivos de forma mais rápida.

Além disso, constantemente a Caixa libera maneiras que facilitam o financiamento da casa própria aos brasileiros.

Um dos exemplos de maior iminência é o feirão da Caixa. A partir dele é possível conseguir 100% de financiamento sobre um imóvel.

E por isso estar a par de todos os detalhes sobre financiamento na Caixa se faz indispensável.

Por meio de eventos como esse muitas pessoas conseguem realizar seus sonhos sem nem ter que dar alguma entrada em dinheiro.

Estudar a própria linha de crédito é indispensável para quem deseja estar à frente de seu próprio financiamento.

Além disso, ter um contador de confiança à frente das próprias finanças é um divisor de águas para conseguir atingir objetivos como o de financiamento.

Enfim, caso os leitores queiram saber mais sobre financiamentos e sobre a Caixa Econômica Federal, nosso blog está repleto de artigos sobre o assunto que valem a pena conferir.

Leia também: Leilão da Caixa: Saiba como adquirir seu imóvel / casa da forma correta

Deixe seu Comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Talvez Você se Interesse

- Publicidade -