HomeFinanças, Crédito & SegurosConsórcio Caixa: Imobiliário e de veículo | Simulação, tabelas e boleto

Consórcio Caixa: Imobiliário e de veículo | Simulação, tabelas e boleto

Web Stories

Uma das melhores maneiras de conseguir realizar um sonho que depende de aquisições financeiras é por meio do consórcio da Caixa.

Seja para conseguir sair do aluguel ou comprar a casa própria, seja para conseguir um carro ou moto ou para demais finalidades: não importa, o consórcio da Caixa é um meio para conseguir realizar isso.

De qualquer maneira, existem alguns critérios nos quais aqueles que desejam entrar nessa categoria de serviços da Caixa devem se enquadrar para conseguir o consórcio.

Detalhes ligados à “saúde financeira” do solicitante de consórcio como: dívidas, pagamentos honrados, linha de crédito, renda, bens e diversos outros aspectos.

Um ponto que vale a pena ressaltar sobre o consórcio da Caixa, bem como diversos outros consórcios: é uma das melhores maneiras de conseguir adquirir um bem a partir de várias parcelas.

- Continua Depois da Publicidade -

Ou seja, essa é uma ótima opção para aqueles que possuem pouco capital e desejam realizar seus sonhos de consumo.

Seja para o trabalhador CLT, empresário, latifundiário ou MEI, não importa! O consórcio da Caixa está aberto para todos.

E os tipos de consórcio se adequam à realidade de cada solicitante. Menos daqueles que não conhecem o consórcio da Caixa.

Afinal, sem saber do que se trata e tampouco buscando entender como funciona e como participar de um, é impossível conseguir dar o próximo passo na aquisição de algo por meio de um consórcio.

Por isso, para que os leitores do Flame estejam bem informados quanto ao assunto, aqui está um artigo contendo informações sobre os diversos tipos de consórcio disponíveis na Caixa. 

Assim como aqui estão presentes detalhes quanto à Simulação de Consórcio, Tabelas, Boleto e Consórcios Imobiliário e de Veículo.

Como funciona o consórcio da Caixa?

Consórcio Caixa
Créditos: facebook.com

Assim como os demais consórcios, o Consórcio da Caixa funciona da seguinte maneira: a partir de um consórcio, o consorciado assume o compromisso de efetuar pagamentos mensais configurados no preço acordado entre ele e sua agência. A partir disso, esse fica apto a participar do consórcio.

E seu funcionamento não destoa dos outros consórcios: a partir do pagamento regular do consórcio, o consorciado está apto a ser contemplado.

- Continua Depois da Publicidade -

Seja por meio do sorteio, lance ou final do pagamento do consórcio, o consorciado está sujeito a todos esses tipos de contemplação.

Só para que fique claro, aqui está um exemplo hipotético. No exemplo, o personagem, João, participa de um Consórcio da Caixa.

João é autônomo e busca maneiras de aumentar sua renda a partir das coisas que já sabe fazer.

João tem diversas horas livres no dia e, por isso, tem que tornar esse tempo mais lucrativo.

A partir disso João decide que quer ser motorista de aplicativos de carona para tirar uma renda extra.

Então, ao tomar essa decisão e conferir com seu contador a sua situação financeira, João decide dar entrada num consórcio para adquirir um carro de trabalho.

Então João vai até sua agência da Caixa e conversa com sua gerente sobre o assunto. Ela o direciona até o setor de consórcios, onde João dá entrada em um carro Sedan da Renault.

João então opta por uma opção de parcelamento e quase dá início ao pagamento de seu consórcio com 60 parcelas de 500 reais.

- Continua Depois da Publicidade -

Mas, devido ao fato de ter que esperar, João não começou o consórcio. Afinal, teria que esperar ser contemplado para então começar a trabalhar como motorista.

No entanto, se tivesse continuado a pagar o consórcio, existia a possibilidade de contemplação durante esses 60 meses.

Consultar o consórcio caixa: Passo a Passo 

Antes de mais nada, complementando o parágrafo anterior, vale ressaltar que esse consórcio é análogo a uma compra coletiva onde existe um comprometimento em efetuar os pagamentos mensalmente dentro de um prazo pré estabelecido.

Enfim, aqueles que já estão inscritos em um consórcio da Caixa provavelmente podem ter dúvidas em como acessar a consulta do consórcio.

Entretanto, para que os leitores tenham essa noção, aqui está um passo a passo simples que pode ajudar no assunto.

Antes de mais nada, é preciso ressaltar que existem diversas maneiras de consultar o consórcio da Caixa.

Seja por meio do aplicativo da Caixa Econômica Federal, seu site ou em uma agência. Não importa. Com tanto que seja a maneira mais prática e fácil de conseguir consultar o consórcio, tudo bem.

Bom, para conseguir consultar a situação de um consórcio pelo site da Caixa é preciso, antes de mais nada, acessar o site. Depois disso, na página inicial, efetuar o login.

Em sequência é possível acessar a seção de “Produtos” e optar por “Consórcios”. A partir disso basta dar sequência buscando a seção “Meus consórcios”.

Enfim, além dessa e das demais maneiras de consultar um consórcio da Caixa, existe a opção de entrar em contato via telefone.

Para consultar o consórcio da Caixa por meio de uma ligação, basta ligar para o Alô Caixa: 4004 0104.

A partir desse número é possível tratar de assuntos quanto ao próprio consórcio em capitais e regiões metropolitanas.

Mas por meio do 0800 104 0104 é possível entrar em contato com a Caixa em demais regiões.

Leia também: Conta fácil Caixa: Saiba como abrir e a diferença entre corrente e poupança

Fazer login no consórcio da Caixa rápido

consorcio da caixa economica
Créditos: blog.econsorciodigital.com.br

A maneira mais fácil e rápida de fazer login no consórcio da Caixa é por meio do site da Caixa Seguradora.

A partir do site da Caixa Seguradora é possível acessar a área do cliente e, com isso, efetuar o login na área do cliente.

Mas, antes de entrar na área do cliente, algumas perguntas são feitas em forma de questionário pela Caixa.

Vale ressaltar que as perguntas devem ser respondidas de forma verídica para que então seja possível dar sequência no Login no consórcio da Caixa.

As perguntas são referentes ao período e local de aquisição do consórcio. No caso, se o consorciado tiver feito seu consórcio antes da data estabelecida, esse pode continuar efetuando sua consulta por meio da área do cliente da Caixa Seguradora.

Entretanto, caso tenha feito depois, uma segunda pergunta é apresentada. No caso, o meio pelo qual o cliente adquiriu o seu consórcio.

As opções são: internet banking,  Lotérica, agência da Caixa ou Caixa Aqui. E caso tenha sido feito por alguma dessas, é preciso ir até a Caixa Consórcios para dar sequência.

Mas caso não tenha sido feito por nenhum dos meios presentes no texto anteriormente, é possível continuar o acesso por meio do site da Caixa Seguradora.

Enfim, essas são as maneiras mais rápidas de acessar um consórcio. Afinal, após responder a essas poucas questões é possível efetuar o login concedendo senha a partir do CPF ou CNPJ e senha.

Leia também: Caixa FIES: Boleto, segunda via, saldo devedor e telefone de suporte

Os melhores tipos de consórcio da Caixa 

Bom, visto que existem uma grande quantidade de variações em número de consórcios na Caixa, é difícil dizer qual desses é o melhor.

Entretanto, uma coisa é fato: o melhor consórcio é aquele em que uma pessoa que pretende comprar um consórcio consegue efetuar os pagamentos corretamente para que então seja possível ter a contemplação.

O consórcio imobiliário, por exemplo, possui opções com até 200 meses de parcelamento na faixa de  R$310,00.

Já o consórcio para automóveis da Caixa possui opções de R$225, 00 em até 80 meses.

Mas a grande questão por trás dos benefícios dos consórcios da Caixa não encontra-se apenas nos quesitos financeiros apresentados.

Na verdade, aqueles que compram um consórcio da Caixa têm diversas vantagens. São elas: sem valor cobrado a mais por juros, a possibilidade de usar o FGTS e até mesmo a redução do valor pago para reduzir impostos.

Para um entendimento melhor, aqui vai uma explicação detalhada de cada uma dessas vantagens.

E começando pela isenção de juros em consórcios da Caixa: basta que aquele que deseja comprar um consórcio escolha a melhor opção para si em quesitos financeiros sem precisar pagar juros.

A segunda vantagem é que o consorciado pode usar seu FGTS para complementar o valor do bem do consórcio.

Por fim, mas não menos importante: é possível abater de impostos até 10% do valor do crédito do consórcio.

No entanto, para um maior entendimento quanto aos benefícios dos consórcios da Caixa é preciso entrar em contato com alguma agência, o SAC ou indo até a seção de consórcios no site da Caixa.

E, claro, continuar essa leitura pode trazer mais esclarecimento quanto ao assunto, assim como em diversos textos sobre finanças do nosso Blog.

Quantas parcelas têm o consórcio da Caixa?

consorcio automotivo caixa
Créditos: smartia.com.br

Assim como já foi dito anteriormente, existem diferentes números de parcelas em consórcios da Caixa.

No caso de consórcios imobiliários, o pagamento pode ser efetuado em até 200 meses. Ou seja, em até 200 parcelas. E assim como dito, não são aplicados juros sobre esse tempo extenso. Apesar da facilidade, são mais de 15 anos pagando consórcio. 

E o preço médio para os 200 meses é de R$310,00.  A partir desses consórcio é possível adquirir imóveis novos, usados, residenciais, comerciais, ainda em construção, etc.

Já o consórcio para carros pode ser pago em até 80 parcelas de R$225,00.  A partir do consórcio é possível comprar carros novos ou com 8 anos de uso. Além disso, serve para comprar diversos tipos de veículos. Não só carro.

E vale ressaltar que ambos podem ser usados para quitar financiamento com pendências. De veículo ou de imóvel.

Como imprimir boleto da Caixa consórcio em poucos passos?

consorcio da caixa
Créditos:invest.exame.com

Desde que se instaurou a pandemia de Covid-19 no mundo inteiro, diversas atividades cotidianas, tais como ir até uma agência para imprimir o boleto do consórcio da Caixa, passaram a ser efetuadas de casa.

E, assim como foi dito anteriormente, é possível efetuar o acesso ao consórcio por diversos modos virtuais.

Seja por meio do Internet Banking ou aplicativo, é possível ter acesso ao boleto do consórcio da Caixa.

Mas, desde março de 2020 os boletos de consórcio são enviados para os consorciados da Caixa.

Portanto, caso esse não esteja na caixa de entrada de e-mails da conta registrada no consórcio, é preciso conferir o spam.

Mas, caso não haja em nenhum dos dois, tudo bem. Aqui está um tutorial de como fazer isso por meio do CPF e número de contrato.

Para fazer isso basta acessar o site da Caixa Econômica Federal. Em seguida, clicar na opção de consórcios.

A partir daí é preciso acessar o site da Caixa e então ir até a seção de consórcio. A partir daí todas as opções referentes a mensalidades, atrasos, contrato e impressão ficam disponíveis.

Ao rolar a página para baixo é possível imprimir o boleto na opção “Emita a 2ª via do boleto do consórcio” clicando no link disponível

É claro que isso pode ser feito em uma agência. No entanto, em um período como o de pandemia isso vai contra qualquer medida de prevenção de contágio com o vírus da Covid-19.

Em casos de clientes da Caixa que não desejam ir até uma agência, é possível solicitar via SAC à instituição financeira que envie por e-mail o boleto.

Para fazer isso basta ligar no 4004-0104 ou no 0800 104 0104.

O que você pode fazer com seu crédito?

A partir do crédito gerado em um consórcio é possível fazer uma grande diversidade de coisas para além da aquisição do bem consorciado.

Por exemplo: em um consórcio de veículo é possível quitar pendências de financiamento de algum veículo.

Além disso, é possível solicitar a compra de um veículo aquático, terrestre ou aéreo em inúmeras parcelas.

E algo semelhante vale para os consórcios imobiliários. A partir do crédito gerado é possível quitar um valor pendente em algum financiamento.

Mas além disso é possível também conseguir comprar diversos tipos de imóveis: novos, usados, casa de praia, cobertura, apartamento em conjunto, casa na planta, etc.

Enfim, caso o consorciado deseje retirar seu crédito em uma quantia monetária sem receber o bem pelo qual entrou em consórcio, isso é uma possibilidade.

Mas a partir daí o cliente da Caixa fica impossibilitado de conseguir seu veículo ou imóvel a partir da contemplação.

Consórcio imobiliário: Há como usar o FGTS?

Uma das maneiras de conseguir realizar uma aquisição por meio de um consórcio da Caixa é a partir do uso do FGTS guardado.

Dentro das opções de consórcio da Caixa é possível observar algumas que oferecem a possibilidade de usar o FGTS.

No site da Caixa é possível conferir o regulamento na íntegra onde é dito que o FGTS pode ser usado para complementar o pagamento do valor total do bem adquirido ou para o pagamento de parcelas do consórcio. 

Da mesma forma, pode servir para abater saldo devedor no banco, ou ao menos amortizar o valor.

De qualquer forma, para usar o FGTS é preciso seguir uma série de critérios estabelecidos em seu regulamento.

Solicitar seu uso na hora de comprar um consórcio é uma das opções concedidas àqueles que estão fazendo um consórcio na Caixa.

Como pedir consórcio sem juros? 

caixa consorcio
Créditos: grupocapitaldf.com.br

O consórcio da Caixa não possui juros e isso não é algo que precisa ser solicitado pelo cliente.

Aliás, essa é uma das vantagens já mencionadas anteriormente no texto anteriormente.

Mas, é claro que com o atraso de pagamentos do Consórcio é acrescido ao valor de pagamento uma taxa.

E essa taxa de juros é de 1% de atraso no mês e 2% sobre mensalidades anteriores.

Por isso, é de extrema importância manter o compromisso financeiro na hora de firmar um contrato de consórcio.

Caso contrário, a realização de conseguir algum bem pode ficar mais distante e uma dívida pode surgir.

Usar o FGTS para pedir consórcio, é possível?

Sim, a partir do Consórcio da Caixa é possível usar o dinheiro disponível no FGTS para complementar o pagamento do produto adquirido ou senão para quitar ou amenizar pendências financeiras.

Existe toda uma regulamentação para poder usar o FGTS.  A caixa oferece um documento de 12 páginas explicando aos clientes como proceder ao uso de FGTS em consórcios.

Nele é explicitado que existem algumas categorias nas quais um cliente que deseja comprar um consórcio  e usar seu FGTS deve se enquadrar para conseguir isso.

A primeira recomendação que é feita é que o cliente que deseja fazer isso entre em contato com a Central de Relacionamento da Caixa.

Dessa forma será possível solicitar seu uso. Ademais, existem algumas normas específicas as quais fazem valer a pena conferir o documento.

Não é nada complicado estar enquadrado como um cliente passível de usar o FGTS no consórcio. Basta apenas seguir os requisitos e contatar a Central de Relacionamento.

É claro que é possível entrar em contato antes para ter ajuda com o procedimento sem precisar ter que ler o documento. E para fazer isso basta ligar para o 0800 702 4000.

Faça a Simulação de consórcio de forma rápida 

A maneira mais fácil e rápida de simular um consórcio da Caixa é por meio do site simuladorconsorciocaixa.com.br .

A partir dele é possível conseguir uma simulação concedendo poucos detalhes pessoais, valor do consórcio, valor das parcelas e o tipo de consórcio.

Ao preencher todos os campos, o próximo passo é clicar em “Fazer simulação”. E então a simulação detalhada fica disponível para aqueles que desejam saber como seria seu consórcio com a Caixa.

O site não oferece a possibilidade de simular integrando o valor de FGTS à conta. Entretanto, esse já serve como uma base para o cálculo. Afinal, depois basta subtrair o valor a ser pago integralmente com o desconto do FGTS.

Consórcio Caixa: Classificação no Reclame Aqui 

Em sua página do Reclame Aqui, a Caixa Consórcios apresenta uma avaliação geral de 6.2 pontos. Ou seja, é avaliada com um serviço Regular pelos parâmetros do Reclame Aqui.

No entanto, ao conferir suas métricas é possível notar os esforços da Caixa Consórcios em resolver o problema de seus clientes. Visto que tem mais de 65% de resolução dos problemas dos seus clientes.

Além disso, respondeu todas as reclamações que foram feitas na página deste serviço da Caixa em sua página do Reclame Aqui.

A minoria dos clientes apresentou reclamações sobre não conseguir usar o próprio crédito. Ou seja, no que tange ao compromisso, são poucas as pessoas que tiveram más experiências com um consórcio da Caixa. Ao todo foram 8.32%.

Entretanto, a página da Caixa não concede nenhum detalhe a mais sobre resolução de problemas ou demais aspectos presentes em demais páginas do Reclame Aqui.

Por isso, é difícil avaliar a partir de uma abordagem mais detalhada o consórcio da Caixa.

De qualquer maneira, a Caixa é uma instituição financeira Federal. Ou seja, é de muita seriedade e compromisso para com seus clientes.

É claro que situações negativas podem ocorrer. E por isso, para conferir reclamações com mais detalhes quanto aos consórcios da Caixa, basta acessar a seção de comentários.

Assim é possível ficar a par de casos reais e também ter acesso a histórias de pessoas que já caíram em golpes de falsos consórcios da Caixa feitos por estelionatários.

É de se acreditar que saber como não cair em golpes de consórcio, tais como os que ocorreram em diversas histórias dos comentários da página da Caixa Consórcios no Reclame Aqui, pode ser útil.

Conclusão

A partir desse texto foi possível introduzir diversos aspectos quanto aos consórcios da Caixa. Sejam consórcios imobiliários ou para veículos, a Caixa Consórcios oferece uma grande variedade de consórcios com números de parcelas diferentes.

Retomando o que foi dito nas seções anteriores deste artigo, é possível dividir o pagamento de um consórcio da Caixa em até 200 vezes. E o mesmo pode ser feito em consórcios para veículos em até 80 vezes.

Além disso, os consórcios podem ter uso para diferentes finalidades dentro das especificidades de cada uma das categorias de consórcio.

No caso de imóveis: podem ser usados para terminar aquela construção que ficou pela metade ou até mesmo comprar a casa dos sonhos em uma praia.

E quanto a carros: é possível consorciar um carro desejado há anos, assim como aviões dispersores de agrotóxico em plantações.

É vasta a extensão de possibilidades de aquisição com o consórcio da Caixa. E com todas as vantagens que são oferecidas pela configuração do consórcio, tais como isenção de juros e a possibilidade de usar o FGTS.

Então, concluindo aqui o artigo sobre Consórcio da Caixa, vale dizer que essa é uma boa alternativa financeira para adquirir bens com parcelas razoáveis.

E caso os leitores queiram saber mais sobre o assunto de bancos, finanças e dinheiro, o Flame está repleto de artigos que podem ser de seus interesses.

Leia também: Feirão da Caixa: Como adquirir casa própria com condições especiais | Imóveis

Deixe seu Comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Talvez Você se Interesse

- Publicidade -